Na base do conhecimento está o erro

Isto não é exemplo!

aesteves

Se o país atravessa dificuldades, então, em princípio, todos os cidadãos devem contribuir para a solução dos problemas. Ora, as dificuldades que vivemos foram causadas por alguém e resultam directamente da incapacidade e inabilidade dos nossos representantes eleitos, cujas decisões políticas e de gestão nos trouxeram a este ponto.

É, para mim, inaceitável que haja pessoas ou grupos de pessoas, com responsabilidade, que fiquem dispensadas de colaborar na recuperação do país. Considero, por maioria de razão, que todo e qualquer privilégio que seja aplicado aos “políticos” é, no mínimo, imoral.

O Jornal i publica hoje a seguinte notícia: Cortes nas reformas deixam políticos de fora.

Isto não é exemplo. Ninguém, excepto aqueles que têm necessidade de apoio para sobreviver, deve ficar isento.

E ninguém me tira da cabeça que a isenção atribuída aos juízes não passa duma estratégia básica que visa uma futura eventual passagem constitucional de algo já anteriormente tentado e não conseguido.

2 responses

  1. ZOZ

    Partilho as tuas palavras…

    2013-08-08 às 14:30

  2. João Gabriel Marques

    Evidentemente, não se pode ignorar a responsabilidade imediata do povo português nos descalabros administrativos dos seus governantes, explicitamente aqueles que votam sistematicamente no Partido Socialista Português, que têm obrigação de conhecer muito bem, e que já colocou o país em várias crises, pois é quem mais tem estado no poder desde o 25 de abril. E aqui, Vicente, poderíamos aprimorar a nossa democracia do seguinte modo: O voto deixaria de ser secreto, e ao término de cada gestão, dependendo da situação econômica e financeira do país, especialmente da situação das contas públicas, a nova gestão criaria impostos que só incidiriam sobre os eleitores do partido que este no poder anteriormente. Pronto. Acabava-se a festa e a irresponsabilidade na hora de votar. Veriamos até comunistas e socialistas ferrenhos votando nos partidos de centro, pois que de direita não os há. Vicente: Esta ideia é minha mas podes usá-la à vontade, desde que citada a origem

    João Gabriel

    2013-08-08 às 20:07

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s