Na base do conhecimento está o erro

Sobre o Congresso Democrático das Alternativas

Não é de agora que defendo que o sistema semi-presidencialista português está esgotado e que a sua manutenção já não é um factor de agregação, mas sim o principal elemento de desagregação da ligação entre eleitores e eleitos.

Como tal, tinha algumas expectativas no Congresso Democrático das Alternativas.

Infelizmente, não ouvi ninguém na reunião deste Congresso a afirmar o que entende por liberdade e, para além do mais, a grande maioria dos rostos do congresso são de pessoas directa e indirectamente responsáveis pelo estado da Nação.

A minha impressão do mesmo é que se trata apenas de mais auto-promoção e com pouca vontade de alterar o status quo.
Querem é mudar os protagonistas!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s