Na base do conhecimento está o erro

Tiro no pé

Manuela Ferreira Leite candidatou-se à liderança do PSD porque foi empurrada para tal. Era visível que não tinha vontade de ser presidente do partido. Contudo, sacrifícios são necessários.

Infelizmente para ela, ganhou a presidência (por pouco) e desde esse momento sentiu-se que estava nas mãos de terceiros.

Teve um momento de decisão com a escolha de Paulo Rangel, o seu principal apoio, para as Europeias.
Aparentemente, teve que pagar um preço por essa ousadia.

Resultado, as listas do PSD são uma vergonha!

(Lá vai o tele-evangelista buscar votos onde não contava!)

Advertisements

4 responses

  1. Pingback: Alternativas e convicções « COLECTIVO & (in)TRANSMISSIVEL

  2. Pingback: Tiro no pé (2) « (in)Transmissível

  3. Pingback: Congresso PSD (7) « (in)Transmissível

  4. Pingback: Congresso PSD (6) « (in)Transmissível

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s